Bruxelas, Bélgica - Dia 2



Era segunda-feira. Retornamos ao distrito europeu para visitar o Hemiciclo, que é o Plenário do Parlamento Europeu. A entrada é gratuita e a visitação rápida também (apenas 30 minutos).



Dica: para visitar o Hemiciclo, a entrada fica próxima a um parque, basta seguir as setas indicativas.

Da mesma forma que no Parlamentarium, você também recebe um guia eletrônico que apresenta informações sobre o Parlamento em várias línguas.




No início da visita, há uma parada para observar uma obra de arte no centro do edifício e que se estende por diversos andares.

O Hemiciclo pode acolher a totalidade dos 751 Deputados ao Parlamento Europeu. Durante as sessões é utilizado pelo Parlamento para os maiores e mais importantes debates, sendo o palco de muitas votações históricas.”



Na parte de cima do plenário, é possível ver os locais onde ficam os mais de 20 tradutores a participar desta impressionante reunião multi-língue.

É também possível acompanhar as sessões do Parlamento que ocorrem em Bruxelas, mas isso depende da disponibilidade de lugares. Para saber mais informações, veja o site.




Saindo do Hemiciclo, pegamos o metrô até a estação Heysel/Heizel (linha 1).




Após uma rápida caminhada chegamos ao Atomium, uma estrutura assemelhada a uma molécula, com diversos nós representando os átomos. 




O nó do topo permite ter uma visão panorâmica da cidade e nos demais nós é possível apreciar shows de luzes e efeitos luminosos.




Não é uma atração excepcional, mas a vista da cidade e os efeitos luminosos nas escadas rolantes valem a visita. Para assistir os shows de luzes, clique aqui.

Ao lado do Atomium, encontra-se a Mini-Europa




Uma excelente atração para crianças e adultos. Na Mini-Europa, maquetes das principais construções dos diversos países da Europa são expostos. O Parlamento Britânico, o Aeroporto Charles de Gaule, a Acrópole Ateniense, e diversos outros estão representados nesta atração.




Há uma área reservada para cada país e suas maquetes, e o visitante faz um trajeto que percorre todos os países e construções.



Chama a atenção a preocupação com os detalhes.  Alguns aparelhos tem interação com os usuários.




Mesmo quem conhece vários países da Europa vai se surpreender com alguns belos locais desconhecidos.




No final, há a exposição Spirit of Europa, uma área fechada com informações sobre a história da União Europeia. Você já deve ter percebido que Bruxelas respira União Europeia!

O ticket combo (Atomium + Mini-Europa) custa 24,50 euros.


Retornamos para o nosso hotel, e à noite fomos jantar no Pasta Divina, um pequeno restaurante italiano, bem avaliado no Tripadvisor, que fica nas proximidades da Estação Central de Bruxelas. 

Provei um Fettuccini 4 queijos que estava delicioso!

No terceiro e último dia em Bruxelas, iríamos fazer uma caminhada, sem gastar muito tempo nas atrações (dia 3).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Booking.com