Relatos de Viagem: Liubliana, Eslovênia (dia 4)




Apesar de hospedados em Ljubliana, deixamos para melhor explorá-la apenas no último dia. Nos dias anteriores, exploramos as Cavernas de Postojna e Castelo de Predjama (dia 1), o Hospital Clandestino e o Lago Bled (dia 2) e a cidade de Trieste, na Itália (dia 3).  

Checkout no Hotel e seguimos de carro para o centro da cidade.

Confesso que não tinha sido boa a minha primeira impressão da capital e maior cidade da Eslovênia (280 mil hab.). Havíamos chegado à cidade numa noite fria, cidade vazia e meio morta. Construções tristes. Difícil encontrar lugar para estacionar o carro, difícil encontrar um lugar para comer. Tudo conspirava contra! Até alterei meu roteiro de viagem em função disso, dedicando apenas esse último dia para visitar a cidade.




O dragão é o símbolo da cidade de Liubliana, que aparece na torre do Castelo e na chamada Ponte dos Dragões (Dragon Bridge). Simboliza poder, coragem e grandeza (fonte: wikipedia).

Mas aqui não vale o ditado "a primeira impressão é a que fica". E nessa manhã de sábado, contrariando todas as expectativas, a bela Liubliana finalmente apareceu ...





... foi às margens do Rio Lublianica, que divide o centro da cidade em dois. E apareceu viva, com um sorriso no rosto, repleta de gente de tudo quanto é tipo: adultos, crianças, pessoas com necessidades especiais, turistas e locais. Quase não dava para caminhar ...







No dia, havia um Festival de Comida Bósnia, com variados doces e um café típico, muito bom, muito semelhante a um café turco. 






Mas, havia outros eventos acontecendo pela cidade: feiras de artesanato, de frutas e vegetais, produtos de leite, etc. Comprei uma caixa de morangos gigantes, simplesmente deliciosos!






Feira de Artesanato às margens do Rio Liublianca


Às margens do rio, havia, ainda, diversos bares e restaurantes, local ideal para apreciar a beleza da cidade. Mas, não ficava só aí. 






As ruas laterais, as praças, pontes e construções, todas tinham seu encanto especial.



Prédio da Universidade de Ljubliana.



Biblioteca Nacional de Liubliana

The Ljubliana Free Tour.




Participamos do The Ljubliana Free Tour, que é um tour feito por voluntários pela região central da cidade. Os tours são a pé e partem diariamente às 11hs da Prešeren Square em frente à Ponte Tripla e à Igreja Franciscana da Anunciação. No final do roteiro, você dá uma gorjeta ao guia, porque, afinal, "não existe almoço grátis"!

O roteiro inclui, dentre outras atrações, a Prešeren Square, a Praça do Congresso, a Town Square, a Ponte Tripla, a Ponte dos Dragões, a Ponte dos Sapateiros, o Mercado, a Catedral, a Prefeitura, a Biblioteca Nacional, dentre outras atrações.


Ponte Tripla, em frente à Prešeren Square

A ponte tripla (Tromostovje) é um grupo de três pontes no centro de Ljubliana conectando as margens do Rio Ljubliana. No passado, havia apenas uma ponte que era fundamental para a ligação entre a Europa Central e a Região dos Balcãs. Tal a importância dessa ligação, foram construídas, posteriormente, duas pontes laterais para pedestres, ficando a central para os veículos e carruagens. Essa extensão foi projetada pelo famoso arquiteto esloveno Jože Plečnik. Atualmente, a ponte tripla é dedicada apenas aos pedestres.




Almoçamos no Restaurante Valvas'or, que fica na Stari Trg, rua dos restaurantes paralela ao rio. Excelente opção!







No horário do almoço, havia a opção do Set Menu: sopa de Brocoli, salada, Peixe com Polenta, e sobremesa (creme com geleia de morango). Acompanhamos com um vinho Pinot Noir, do Vipava Valley. Tudo excelente! Conta para 4 pessoas: 87.10 Euros.




O dia estava lindo! Aproveitei para dar uma volta pela cidade às margens do rio, comprar uns vinhos no supermercado e tirar algumas fotos.



Castelo de Liubliana (Creative Commons)

À tarde, uma visita ao Castelo de Ljubliana. A entrada custa 7.50 Euros. Mas, para subir até lá você deve pegar um funicular (opção mais conveniente). O funicular custa 4 Euros ida e volta.

O que adorei foi a vista da cidade a partir do Castelo!




Em suma ...


Ljubliana é linda e recebe bem o turista! Vale reservar de 2 a 3 dias só para conhecer a cidade. Suas principais atrações são a Cidade Antiga, o Castelo de Ljubliana, no alto de uma colina, a Ponte tripla, a Catedral, a Igreja da anunciação, o Parque Tivoli e a Praça do Congresso. Não deixe de visitar, também, o Museu das Ilusões (eu visitei-o em Zagreb, é ótimo!).

Praça do Congresso. Abaixo há um estacionamento.

Partindo para os Lagos Plitvice, na Croácia

Às 16:30hs, partimos em direção à Croácia, aos Lagos Plitvice. Foram 3h de estrada.
Passamos por uma estrada pequena por Novo Mesto, cortando um caminho no sentido Karlovac.




Cruzamos a fronteira e logo em seguida havia um Free shop com preços excelentes!
Milka por 2.10 Euros (o grande). Oba!





Às 20:30hs, chegamos à pousada Guest House Plitvice Hills, que fica em Korenica, a 15 minutos da Entrada do Parque.

Simplesmente excelente! O atendimento e o acolhimento dos hosts foi incrível. A pousada é melhor que muito hotel 5 estrelas.

A qualidade das habitações e o cuidado com a decoração são um plus. Wifi gratuito. 





Logo que chegamos os hosts, um casal croata que vive nas proximidades, nos ofereceram um shot, um cachaça de ameixa. E um café! Deram muitas dicas sobre como fazer o roteiro pelo Parque Nacional.

Deveríamos tê-los avisado antecipado do horário da nossa chegada. O simpático casal ficou aguardando um dia inteiro a nossa chegada. Falha Nossa!

No dia seguinte, iríamos conhecer o belíssimo Parque Nacional dos Lagos Plitvice.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Booking.com