Curitiba é considerada uma cidade modelo no Brasil: limpa, bonita, organizada, com belos parques, museus e construções antigas bem conservadas. Para conhecê-la, você não precisa contratar agências de viagem ou gastar muito dinheiro. A Prefeitura oferece uma alternativa bem vantajosa: a Linha Turismo.


Sobre Curitiba, leia também:

Restaurantes em Curitiba: 6 opções para todos os gostos e bolsos

Poco Tapas: provando a culinária molecular em Curitiba

Quanto custa o passeio de trem de Curitiba para Morretes?

9 motivos para visitar Curitiba – a cidade modelo


Linha Turismo

Linha Turismo - Curitiba
Linha Turismo

A Linha Turismo é do tipo hop-on hop-off que percorre os 25 principais pontos turísticos de Curitiba:

  1. Praça Tiradentes
  2. Rua das Flores
  3. Rua 24 horas
  4. Museu Ferroviário
  5. Teatro Paiol
  6. Jardim Botânico
  7. Estação Rodoferroviária/Mercado Municipal
  8. Teatro Guaíra/Universidade Federal do Paraná
  9. Paço da Liberdade
  10. Passeio Público/Memorial Árabe
  11. Centro Cívico
  12. Museu Oscar Niemeyer
  13. Bosque do Papa/Memorial Polonês
  14. Bosque Alemão
  15. Universidade Livre do Meio Ambiente
  16. Parque São Lourenço
  17. Ópera de Arame/Pedreira Paulo Leminski
  18. Parque Tanguá
  19. Parque Tingui
  20. Memorial Ucraniano
  21. Portal Italiano
  22. Santa Felicidade
  23. Parque Parigui
  24. Torre Panorâmica
  25. Setor Histórico

A maior parte desses pontos turísticos é de visitação gratuita, com exceção da Torre Panorâmica e do Museu Oscar Niemeyer.

 

Trajeto da Linha Turismo em Curitiba (fonte: URBS)
Trajeto da Linha Turismo em Curitiba (fonte: URBS)

O trajeto começa na Praça Tiradentes e termina no Setor Histórico. O percurso total é de 46 km e dura aproximadamente 2 horas e trinta minutos.

Funciona de terça à domingo e opera das 9h às 17h30, a cada 30 minutos. Os ônibus são bem confortáveis (Double-decker Bus). Por sua vez, os pontos de embarque e desembarque estão bem sinalizados.

Em razão da pandemia da Covid-19, a Linha Turismo não funcionará nos dias 28/2 e 7/3/2021. Ademais, o uso de máscara é obrigatório e a lotação máxima será de 65 pessoas.

Caso você pegue o ônibus no último horário, saiba que ele não fará o percurso completo. Você conseguirá ir apenas do seu ponto de embarque até a Praça Tiradentes.

Se você ficar na parte de cima do ônibus, não esqueça de trazer um casaco, pois em Curitiba costuma fazer muito frio.

Ingresso da Linha Turística

O preço do ingresso é R$ 50,00. Você pode comprar seu ingresso nos próprios ônibus, em qualquer um dos pontos de embarque. O pagamento, entretanto, só pode ser feito em dinheiro.

Atualmente, os embarques são ilimitados em todos os atrativos do percurso no prazo de 24 horas. Anteriormente, você podia embarcar e desembarcar apenas em 5 pontos turísticos.

Em quais pontos turísticos vale a pena desembarcar?

Como o tempo é limitado, é importante saber quais pontos da Linha Turismo são os mais interessantes. Recomendo escolher dentre os seguintes:

Museu Oscar Niemeyer

Museu Oscar Niemeyer - O Olho, Curitiba
Museu Oscar Niemeyer

É um museu de arte projetado pelo arquiteto Oscar Niemeyer, onde se destaca a construção “O Olho”. Atrás do museu, nos finais de semana, há o “ParCão”, onde os moradores de Curitiba fazem piquenique e levam seus cães para tomar um sol e se integrarem. Também, próximo do museu, encontra-se o Bosque do Papa, um bonito parque dedicado à imigração polonesa.

Jardim Botânico de Curitiba

É o cartão postal de Curitiba (foto em destaque). Um belo jardim florido que é a atração mais visitada na cidade. Destaca-se a estufa que lembra o Palácio de Cristal de Londres.

Parque Tanguá

Parque Tanguá, Curitiba
Parque Tanguá

Um dos mais belos parques de Curitiba, na minha opinião. Foi construído no lugar de duas antigas pedreiras. Na parte de baixo, há um restaurante onde você pode tomar uma cerveja ou café e apreciar uma bela cachoeira artificial.

Opera de Arame/Pedreira Paulo Leminski

Opera de Arame, Curitiba
Opera de Arame, Curitiba

A Ópera de Arame é um teatro todo construído em tubos de aço. A Pedreira, por sua vez, é uma área destinada a shows e espetáculos que fica ao lado da Ópera de Arame.

Parque Tingui

Memorial Ucraniano, Parque Tingui, Curitiba
Memorial Ucraniano, Parque Tingui

O Parque Tingui é outro belíssimo parque de Curitiba com impressionantes 380 mil m² de área. Está localizado na Zona Norte às margens do Rio Barigui. Foi inaugurado em 1994. No local, encontra-se o Memorial Ucraniano. O parque recebeu esse nome em homenagem aos Índios Tingui que habitavam a região antes da chegada dos portugueses.

Setor Histórico

Região central de Curitiba
Região central de Curitiba

Região na área central de Curitiba amigável aos pedestres e que possui diversas atrações, dentre as quais, destaca-se a Feira de Artesanato nos domingos.

Santa Felicidade

Vinícola Durigan, Santa Felicidade, Curitiba
Vinícola Durigan, Santa Felicidade

É um Distrito mais afastado de Curitiba, famosa pelos diversos restaurantes. Merece destaque a Adega Durigan, onde você pode degustar (durante a pandemia as degustações estão suspensas) e comprar vinhos, queijos e doces locais.

Observe que alguns pontos turísticos estão muito próximos uns aos outros e podem ser acessados a pé. Cito, por exemplo, o Museu Oscar Niemeyer e o Bosque do Papa, ou ainda, o Parque Tingui e o Memorial Ucraniano.

Resumindo…

A Linha Turismo é uma excelente opção para você conhecer Curitiba de um jeito fácil e barato. Mesmo que você não possa desembarcar em todos os pontos turísticos, você certamente terá uma visão panorâmica das principais atrações da cidade num único dia.

Particularmente, não sou muito fã de utilizar ônibus do tipo Hop-on Hop-off quando viajo pelas cidades mundo afora. Entretanto, recomendo bastante a Linha Turismo de Curitiba, pois vale a pena. Aproveite!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

>>