Córdoba, na região da Andaluzia, é um destino turístico obrigatório para quem visita a Espanha. Atualmente, é a cidade com maior número de títulos de Patrimônio da Humanidade conferidos pela Unesco. Além das atrações turísticas, Córdoba oferece aos visitantes várias opções de restaurantes, típicos ou não, e para todos os gostos. Muitos estão localizados na Judería, o bairro judeu, mas há alternativas em várias regiões da cidade.

Mesmo com o real desvalorizado, é possível comer em Córdoba sem gastar muito. A seguir, elencamos 3 restaurantes que provamos e aprovamos em Córdoba. Confira!

1. Mercado Victoria

Mercado Victoria, Córdoba, Espanha
Mercado Victoria, Córdoba

O Mercado Victoria é um mercado gourmet situada nos Jardines de la Victoria, uma imensa área verde localizada entre a avenida Paseo de la Victoria, de um lado, e a Avenida de la República Argentina, de outro.

Inaugurado em 2013, compõe-se de uma bela estrutura metálica. Dentro, você encontra diversas opções gastronômicas, incluindo as culinárias espanhola, cordobesa e internacional (japonesa, argentina, italiana etc.). São 21 postos relacionados a seguir:

  • Raza & Dehesa (Carnes e Hambúrgueres)
  • La Salmoreteca (Salmorejo)
  • Funghi (cozinha italiana)
  • Mexx (comida mexicana e americana)
  • Crazy Potato (batatas assadas)
  • La Queseria (queijos)
  • La Vinoteca (vinhos)
  • La Croquetería (croquetes e flamenquíns)
  • Mil Sabores (frutas, verduras e frango)
  • Aku Japanese Food (comida japonesa)
  • La Medina (brochetas)
  • El Argentino (cozinha argentina)
  • La Pescadoteca (peixes e frutos do mar)
  • Ibéricos (produtos ibéricos c/ jamón)
  • Arrocería y pulpería (polvo, cozinha galícia)
  • Solo Mercado (bar)
  • Panea (pães, sorvetes, café etc)
  • Ostras & Mallorca (ostras e vinho francês)
  • The Beer Experience (cerveja)
  • Cruzcampo (cerveja)
  • Bocaito Andalusí (cozinha árabe)
  • Restaurante El Invernadero (restaurante com serviço de mesa)

Segundo o atendente de nosso hotel, o Mercado Victoria assemelha-se muito ao Mercado de San Miguel, de Madri. Particularmente, prefiro o mercado de Córdoba, pois é mais vazio e mais tranquilo.

Mercado Victoria, Córdoba, Espanha
Mercado Victoria, Córdoba

Ademais, o ambiente é agradável, os preços razoáveis, e os pratos costumam ficar prontos sem muitas delongas. Além de experimentar pratos de diferentes cozinhas, você pode pegar a sua cerveja, seu vinho ou a sua sobremesa nos balcões específicos. Exceto quanto ao Restaurante El Invernadero, o mercado funciona como uma praça de alimentação, só que mas mais chique.

Entraña, El Argentino, Mercado Victoria, Córdoba, Espanha
Entraña no posto El Argentino, Mercado Victoria

Dentre os postos, gostei bastante do El Argentino, onde pude provar deliciosas empanadas (caprese) e carnes na brasa. Tudo a um preço acessível (7 Euros a 1/2 entraña).

Os menus com os pratos e preços estão disponíveis no site do Mercado Victoria.

No mercado, não deixe de apreciar uma comida típica de Córdoba, o Salmorejo. Trata-se de um batido cremoso, com consistência semelhante a um purê, com tomate, alho, migas de pão, azeite, vinagre e sal.

Para almoço e jantar, os postos gastronômicos do mercado funcionam todos os dias das 12h30 às 22h30.

  • Dica: alguns hotéis fornecem vouchers para você provar de graça uma cerveja Cruzcampo no Mercado Victoria. Pergunte no seu hotel!

2. Taberna San Miguel – Casa El Pisto

Taberna San Miguel, Casa El Pisto, Córdoba, Espanha
Taberna San Migue – Casa El Pisto

Localizada na Plaza de San Miguel, a Taberna San Miguel – Casa El Pisto é um restaurante tradicional em Córdoba. Talvez seja uma das tabernas mais antigas da cidade, fundada em 1880. Por suas mesas já passaram famosos artistas, intelectuais, toureiros, camponeses, cientistas e corredores.

A decoração da taberna é muito bonita e cheia de detalhes. Suas paredes são revestidas de belos azulejos ou ornadas com pinturas e quadros, tornando o ambiente bem acolhedor. Tem, ainda, um pátio interno que lembra muito o de um Riad marroquino.

Trata-se de um lugar tradicional para se provar o Pisto e o Salmonejo.

O Pisto também é uma comida típica da Espanha e consiste de uma fritada com pimenta, tomate, cebola, ovos e outros ingredientes, todos partidos em pequenos pedaços (fonte: Wikipedia).

Os preços são razoáveis. Custam de 7 a 19 Euros por cada “ración”, mas há também opções de meia porção.

Bacalhau com Pisto, Taberna San Miguel, Córdoba
Bacalhau com Pisto, Taberna San Miguel

Provamos um delicioso croquete de Jamón e um prato de bacalhau com pisto. Tudo estava delicioso.

  • Dica: se for no restaurante, não deixe de ler os “escritos” no papel bandeja (jogo americano) da sua mesa. Alguns são cômicos, outros interessantes.

É recomendável fazer reserva. A taberna funciona de segunda à sábado, das 12h às 16h para almoço e das 20h à meia-noite para o jantar.

3. Taberna Los Califas

Taberna Los Califas, Córdoba, Espanha
Taberna Los Califas

A Taberna Los Califas é um restaurante localizado na Judería, bairro judeu de Córdoba. Fundada em 1947, a taberna é um restaurante tradicional que, nos anos 40, recebia festas flamencas e era o principal atrativo para locais e forasteiros.

Reformado e modernizado, a Taberna é hoje um restaurante amplo, com bom atendimento e preços razoáveis.

A taberna opera uma fusão das culinárias cordobesa e italiana. Seu menu contempla entradas, pescados, carnes, pastas, risotos, saladas e pizzas. Quanto aos vinhos, sua carta contém mais de 30 opções de rótulos espanhóis e italianos.

Salada Caprese, Taberna Los Califas, Córdoba, Espanha
Salada Caprese, Taberna Los Califas

Provamos uma salada caprese (espetacular) e um risoto quatro queijos (feito com queijos de qualidade). O garçom indicou um excelente vinho da região de Ribera del Duero (infelizmente, esqueci o nome).

Os preços dos pratos variam de 5,50 a 19,90 Euros. O risoto 4 queijos, por exemplo, custa 10 Euros. A taça de vinho (Rioja ou Ribera del Duero) custa 3 Euros.

O restaurante funciona de segunda à domingo, das 12h à meia-noite. Quando o visitamos, o estabelecimento estava vazio. Não foi necessário fazer reserva.

Outras delícias para você provar em Córdoba

Além dos restaurantes, há outros estabelecimentos onde você pode provar sobremesas ou salgados em Córdoba. Confira!

a. Heladería Gondomar

Heladería Gondomar, Córdoba, Espanha
Heladería Gondomar, Córdoba

Para quem quer provar um delicioso sorvete artesanal tipo “italiano”, vale a pena conhecer a Heladería Gondomar. Avaliada com nota 4,7/5 no Google, a sorveteria foi a melhor que provamos em Córdoba. Está localizada na Calle Conde de Condomar, um calçadão próximo à Plaza de las Tendillas.

São vários os sabores disponíveis: Ferrero Rocher, Nozes, Torrone, Kinderbueno, Super Oreo, Chocolate Jungly e o Huesitos (estes últimos são chocolates da Nestlé muito comuns na Espanha).

Tarrina Pequeña, Heladería Gondomar, Córdoba, Espanha
Tarrina Pequeña, Heladería Gondomar

Uma tarrina pequeña [copo pequeno] custa 2,5 Euros e pode vir com mais de um sabor. O sorvete é bem servido!

b. Sabor a España

Sabor a España, Degustação, Córdoba, Espanha
Sabor a España, Degustação

Sabor a España é uma rede de empórios gourmet com unidades em várias cidades espanholas. Em Córdoba, o empório está localizado na Calle Cardenal Herrero, bem próximo à Mesquita-Catedral.

Sementes de Girassol, Sabor a España, Córdoba, Espanha
Sementes de Girassol, Sabor a España

Por lá, você poderá encontrar várias opções de chocolates, torrones, frutos secos, doces, marzipan e outras guloseimas. Logo na entrada, uma funcionária te oferece uma degustação dos produtos. Não são muito baratos, mas é possível comprar um pacote de deliciosas garrapiñadas (sementes de girassol doces) por 2 Euros.

c. Bar Santos

Bar Santos, Córdoba, Espanha
Bar Santos, Córdoba

Quem quiser comer algo rápido e tradicional em Córdoba, pode visitar o Bar Santos, na Calle Magistral González Francés, próximo à Mesquita-Catedral. O bar é famoso pelos seus bocadillos e tortillas, mas também oferece pisto e salmorejo.

Os preços estão na faixa de 3 a 5 Euros. Os clientes compram seus petiscos e bebidas e vão comer na rua. Não provamos, mas deve ser bom, pois costuma ter uma grande fila na porta.

Médica, 42, apaixonada por pessoas, sabores e novas culturas.

Escreva seu Comentário

Pin It