Bem-vindo à Grécia! Bem-vindo a Atenas! Em julho de 2015, passamos três dias em Atenas, na Grécia, a mais encantadora das capitais europeias. Mesmo visitando Atenas numa época turbulenta, com muitos protestos em razão da crise pela qual passou o país, a capital grega deixou muitas impressões positivas.

Obviamente, a cidade respira história e arqueologia. Entretanto, o que mais me chamou a atenção em Atenas foi sua noite “animada”. Muita gente nas ruas, muita música e uma deliciosa gastronomia.

Atenas também é a porta de entrada para as belíssimas Ilhas Gregas, como é o caso de Santorini. Vale passar de 3 a 5 dias em Atenas.

Confira como foi a nossa viagem à Atenas e já comece a planejar a sua viagem.

Chegando do Aeroporto ao centro de Atenas

Chegando ao aeroporto Elefthérios Venizélos (ATH), você tem 3 opções de transporte até a região central de Atenas:

  • Taxi: duração aproximada de 30 minutos e custo aproximado de 35 euros.
  • Metro: duração de 45 minutos (não olhei o preço)
  • Ônibus: duração aproximada de 1 hora e custo de 5 euros por pessoa
Ônibus X95, Atenas, Grécia
Ônibus X95, Atenas

Optamos por pegar o ônibus X95 que atende à maioria dos turistas pois seu ponto final está na Praça Syntagma, em frente ao Parlamento Grego. Talvez, por ser um sábado e por não ter trânsito, o trajeto demorou apenas 45 minutos durante os quais pudemos ter um overview da cidade.

Parlamento Grego, Atenas, Grécia
Parlamento Grego, Atenas

Onde ficar em Atenas?

Ficamos hospedados no Amália Hotel que fica a poucos metros da parada final do ônibus X95. É um hotel bom, 4 estrelas, com recepcionistas atenciosas e água na recepção para amenizar um pouco o calor do verão ateniense. O quarto é bom, mas o banheiro deixa a desejar. O espaço para o banho é irrisório!!! Chega a ser menor que o de um Íbis Budget.

Entretanto, a localização do hotel é simplesmente excelente (observe no mapa). Dá para visitar a maior parte das atrações de Atenas à pé.  Apesar dos problemas citados, recomendo!

Banho tomado, é hora de começar a explorar essa encantadora cidade.

Dia 1

Restaurante Old Tavern of Psaras

The Old Tavern of Psaras, Atenas, Grécia
The Old Tavern of Psaras, Atenas

Fomos a pé até o restaurante Old Tavern of Psaras indicado pela recepcionista do hotel.  Bastante charmoso, com mesinhas na calçada e comida saborosa. Pedimos uma Moussaka, prato típico grego bem parecido com uma lasanha de berinjela com carne moida, e um kebab.

Cerveja Mythos, Atenas, Grécia
Cerveja Mythos

Meu marido ainda provou uma Cerveja Grega, a Mythos, e adorou. A conta ficou em 35 euros. Embora a comida estivesse bem saborosa, não havia nada de especial. Se estiver nas redondezas, vale a pena uma pausa. Entretanto, não sugiro que você mude seu roteiro apenas para fazer uma refeição lá.

Acrópole

Vista da Acrópole, Atenas, Grécia
Vista da Acrópole, Atenas

Saindo de lá, caminhamos uns 600 metros até uma das entradas da Acrópole (não era a entrada principal). O ticket custa 12 euros por pessoa e permite o acesso, pelos próximos 4 dias, a 6 outros sítios arqueológicos da região central da cidade: o Teatro de Dionísio (localizado aos pés da Acrópole), o Templo de Zeus, a Ágora Romana, o cemitério antigo de Keramikós, e a Biblioteca de Adriano.

Parthenon, Atenas, Grécia
Parthenon, Atenas

A visita ao complexo durou umas 3 horas sob um sol escaldante, o que minou o restante das nossas forças, após o cansativo voo de SP.

Acrópole significa “cidade alta”. Tinham uma função inicial de proteção contra invasores de cidades inimigas. Existem diversas Acrópoles no Mundo e a Acrópole de Atenas é a mais famosa.

É um complexo com diversas edificações [Mapa da Acrópole], atualmente parcial ou totalmente destruídas, sendo que o que mais se destaca é o Parthenon, antigo templo da deusa Atena, mas que ao longo do tempo passou a assumir diversas funções. No Museu da Acrópole, ao lado da estação Acrópole do Metrô, é possível assistir um vídeo com toda a evolução do Parthenon, inclusive, como chegou a ser destruído e saqueado.

Parlamento Grego

Soldados no Parlamento Helênico, Atenas, Grécia
Soldados no Parlamento Helênico, Atenas

Optamos por voltar para o hotel e descansar um pouco, não sem antes tirar algumas fotos e observar a troca da guarda que ocorre na frente do Parlamento a cada hora.

Palco de recentes manifestações pela situação sócio-econômica grega, essa “praça” me desapontou um pouco. É bem pequena! E a troca da guarda é uma coreografia entre os 2 guardas que lá estão.

  • Uma curiosidade: eles não estão lá para proteger o Poder Legislativo, mas sim o Túmulo do soldado desconhecido, que está à frente do parlamento.

Restaurante Ta Giuvetsakia

Taverna Ta Giuvetsakia, Atenas
Taverna Ta Giuvetsakia, Atenas

Após descansarmos, fomos para a região de Plaka, com suas inúmeras lojas de souvenirs e restaurantes. Extremamente difícil escolher em qual jantar. Apostamos no “Ta Giuvetsakia” e não nos desapontamos. Pedi uma salada grega (basicamente tomate, pepino e queijo fetta) que estava bem temperadinha e refrescante. Meu marido provou o “Giuvetsi de Ternera”, também bastante saboroso. O vinho da casa, entretanto, não estava à altura do restante da refeição. Pagamos por essa refeição 30 euros.

Giuvetsi de Ternera, Restaurante Ta Giuvetsakia, Atenas, Grécia
Giuvetsi de Ternera: delicioso!

Dia 2

Já tínhamos nos surpreendido com Atenas no dia anterior. Neste segundo dia, ficou claro que 3 dias seriam insuficientes para conhecer todos os encantos desta cidade. Vamos retornar!

National Garden

National Garden, Atenas, Grécia
National Garden, Atenas

Iniciamos o dia conhecendo o National Garden, em frente ao nosso hotel e ao lado do Parlamento Grego. É um parque agradável, mas não vi nada de especial em relação aos outros parques que já visitamos.

National Garden, Atenas, Grécia
National Garden, Atenas

Ônibus Hop on, Hop off

Ônibus Turístico Sights of Athens, Atenas, Grécia
Ônibus Turístico – Sights of Athens

O sol estava tão intenso que, mesmo não sendo adeptos dos ônibus do tipo “Hop on, Hop off”, resolvemos comprar um ticket.

Em Atenas, são três as operadoras destes ônibus: a Citysightseeing (ônibus vermelho), a Grayline (ônibus amarelos) e o Sights of Athens (ônibus azuis). O primeiro custa 20 Euros e os demais 13 Euros.

Resolvemos, aleatoriamente, escolher o Sights of Athens. Na teoria, os pontos de parada e os intervalos são os mesmos, mas observamos que os ônibus vermelhos e amarelos eram mais frequentes!

Todos oferecem um tour por Atenas e outro para Piraeus.

Fizemos uma volta quase completa no circuito Atenas, mas, na realidade, os pontos turísticos são tão próximos uns dos outros que acho que talvez não tenha valido a pena.

Perto da hora do almoço pegamos a linha que ia para Piraeus. É interessante perceber a diversidade de opiniões: embora a vista do passeio seja magnifica, achei o tour uma furada, já meu marido ficou encantado com a paisagem e achou que o tour deve ser recomendado…

Mikrolimani

Mikrolimani, Atenas, Grécia
Mikrolimani

Descemos apenas em Mikrolimani para bater umas fotos. Entramos num bar e café com uma vista deslumbrante.  Entretanto havia apenas drinks e nada para comer. O garçom foi extremamente atencioso e, ao perceber meu desapontamento pela falta de comida, me trouxe umas batatinhas chips. Nos refrescamos tomando uma cerveja (5 euros) e fomos em busca de outro restaurante.

Mikrolimani, Atenas, Grécia
Mikrolimani, Atenas

Fomos a um bar ao lado do primeiro: o Cheers Beer House e comemos bruscheta e croquete de queijo. Nada especial. Na rua de baixo, havia muitos bares na beira do cais, mas perdemos a oportunidade de experimentá-los. Por isso, fica a dica: deixe para almoçar na região do cais.

Novo Museu da Acrópole

Novo Museu da Acrópole, Atenas, Grécia
Novo Museu da Acrópole

Retornando a Atenas fomos visitar o Novo Museu da Acrópole, ao lado da Estação de Metro Acrópole. Diferente de alguns relatos que li, não comprei ingresso antecipado e, nem por isso, enfrentei fila para adquiri-lo . O museu é moderno e bem estruturado. No 2° andar há um café com vista para Acrópole que, por si só, já vale a visita. No terceiro andar há a exibição de filme com a história do Parthenon, bem completa e esclarecedora.

Voltamos para o hotel passeando pelas diversas lojas de souvenir de Plaka.

Thanasis Restaurant

Kebab com Iogurte, Thanasis Restaurante, Atenas, Grécia
Kebab com Iogurte, Thanasis Restaurante

Hora de jantar. Fomos para a região de Monastiraki e jantamos num restaurante delicioso. Super recomendo o Thanasis Restaurant e principalmente o seu especialíssimo Kebab com Iogurte. Para acompanhar, um vinho tinto Makedonikos (Tsantali), gostoso, geladinho, porém, um pouco “aguado” para os nossos paladares. Para o casal, a conta foi de 33 Euros.

Monastiraki

Depois do jantar, fomos passear pela região de Monastiraki e ficamos impressionados com a vida noturna em Atenas. Simplesmente, incrível! A região é repleta de opções de restaurantes, alguns com música ao vivo, gelaterias, pasticerias etc. E muita gente na rua.

Dia 3

Acordamos tarde novamente. Afinal, estávamos de férias! Reservamos o último dia em Atenas para visitar os sítios arqueológicos que faltavam.

  • Acredito realmente que você deva reservar 3 dias para visitar os sítios arqueológicos. A cidade é tão agradável e a noite tão movimentada, que não será nenhum sacrifício! Sugiro no primeiro dia visitar a Acrópole, no segundo, a Ágora antiga e no terceiro, os demais. Não tente fazer tudo em um único dia pois, pelo sol extremamente quente e pelas distâncias percorridas, você fica cansado facilmente e perde um pouco do interesse pelos últimos sítios visitados… o que seria uma pena!

Vamos ao nosso roteiro nesse terceiro dia.

Arco de Adriano e Templo de Zeus

Arco de Adriano, Atenas, Grécia
Arco de Adriano, Atenas

Começamos pelo Arco de Adriano e Templo de Zeus (lembre-se que o ingresso também está incluído no ticket comprado para visitar a Acrópole). Do nosso hotel, era possível ir caminhando até lá.

Templo de Zeus, Atenas, Grécia
Templo de Zeus, Atenas

Estadio Panatenaico

Estádio Panatenaico, Atenas, Grécia
Estádio Panatenaico

Em seguida, visitamos o Estadio Panatenaico (Não é o da Olimpíada de 2004). O ingresso custa 5 euros e a visita é imperdível.

O Estádio Panatenaico, também chamado de Calimármaro, por ter sido construído todo em mármore, é um estádio multi-uso que hospedou os primeiros jogos olímpicos em 1896. O Estádio abriga, ainda, uma sala com a exposição das tochas dos jogos olímpicos e dos jogos de inverno.

Finalizamos a visita subindo ao pódio!

Diskouroi Café Taverna

Nesse dia, almoçamos num restaurante a caminho da Ágora Antiga: o Diskouroi Café Taverna. Pedimos o Chicken Souvlaki, que estava macio e bastante saboroso. O prato custava 9 euros.

Biblioteca de Adriano

Visitamos também a Biblioteca de Adriano (fique atento pois fecha às 14 horas). Lá há um pequeno museu com peças retiradas de escavações no local. Nas proximidades, fica a Ágora Romana, a qual não pudemos visitar pois não sabíamos que o local também fechava em torno das 14 horas.

Ágora Antiga

Próximo sítio: Ágora Antiga. Imperdível. Possui uma vista fantástica da Acrópole e é tão interessante quanto esta.

  • Ágora significa “local de reunião”. Em Atenas, há duas Ágoras: a Ágora Romana e a Ágora Antiga.

 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

Uma publicação compartilhada por ClasseTurista (@classeturista) em

Foi feita a restauração da Stoa of Attalos (Estoa de Átalo), um prédio de 2 andares que era o local onde os comerciantes conversavam e faziam suas vendas.  No chão do museu, está delimitado o espaço ocupado anteriormente por cada loja. Você também encontrará expostas muitas peças retiradas das escavações. Não perca!

Templo de Hephaestus, Atenas, Grécia
Templo de Hephaestus

Na Ágora Antiga, também terá a oportunidade de ver uma igrejinha (lindíssima, bem restaurada e com alguns afrescos muito bonitos e preservados, nas paredes e abóboda central) e, também o Templo de Hephaestus. Esse é considerado o templo mais preservado de todos os sítios arqueológicos de Atenas.

Cemitério de Keramikos

Apesar do sol intenso, ainda tivemos folego para ir até o Cemitério de Keramikos. É fácil chegar até lá saindo pela porta ao lado do Templo de Hephaestus.

Restaurante Avocado

Restaurante Avocado, Atenas, Grécia
Restaurante Avocado, Atenas

No jantar, resolvemos inovar: comida vegetariana. Super recomendado no TripAdvisor, o restaurante Avocado, a 5 minutos do nosso hotel, nos surpreendeu. Até quem não gosta de carne de soja deveria experimentar os seus pratos para talvez mudar de opinião. Valor total da conta, incluindo vinho: 42 Euros.

Restaurante Avocado, Atenas, Grécia
Restaurante Avocado, Atenas

Resumindo…

Foram 3 deliciosos dias em Atenas. A capital da Grécia deixará saudades pelo seu clima impiedoso durante o dia e bastante agradável à noite; sua vida noturna; seus bares na calçada e sua população acolhedora. Com certeza, retornaremos em breve!

Author

Médica, 42, apaixonada por pessoas, sabores e novas culturas.

2 Comments

  1. DARCI ANTONIO Reply

    Nossa….somplesmente demais o local.
    Seu relato repleto de informaçoes foi ótimo. Deu-me vontade de conhecer. Talvez em 22 irei(iremos).

    • Luciana Mardegan Reply

      Que bom que gostou! Quer que comecemos a preparar um roteiro para você para 2022? 🙂

Write A Comment

Pin It